O Prefeito Deonísio, o procurador do município e secretários envolvidos na comissão dos festejos juninos de Barra-BA, foram notificados pela justiça, após negarem o alvará do evento Arraiá elétrico, alegando faltar documentação. Segundo os organizadores toda documentação foi apresentada. Os sócios, ambos de Pernambuco vão recorrer à justiça, pois foram lesados e prejuízo supera 30 mil reais.